11.12.12

Sobre O Próximo Outono, de João Miguel Fernandes Jorge e Pedro Calapez





Na edição de Dezembro da revista Ler, José Mário Silva escreve sobre O Próximo Outono, diário de João Miguel Fernandes Jorge com Pedro Calapez: «A prosa é magnífica, sólida, estilisticamente impecável, envolta numa certa aura de superioridade que JMFJ nem disfarça. Exemplo: “O gato começou a miar. Não deve ter gostado de Horowitz. Os gatos também têm mau gosto.” Muito do que é dito, é dito de forma cifrada, com iniciais a esconderem identidades. Algumas passagens tornam-se crípticas. Outras, as melhores, iluminam a página com a força da inteligência; ou então com um lirismo sempre controlado (e ainda assim capaz de arrebatamentos). Sobre as obras de Pedro Calapez, JMFJ fala em “amontoado harmónico”. Nas suas diferenças, as entradas do diário funcionam da mesma maneira.»

Sem comentários:

Publicar um comentário