28.7.17

Maria Filomena Molder vence Prémio de Crítica e Ensaística de Arte e Arquitetura





Maria Filomena Molder venceu o 1.º Prémio de Crítica e Ensaística de Arte e Arquitetura atribuído pela Associação Internacional de Críticos de Arte (AICA)/Fundação Carmona e Costa 2015/2016.
A escritora e professora de Filosofia recebeu o prémio pela obra Rebuçados Venezianos, editada pela Relógio D’Água em Setembro de 2016.
O júri foi constituído por Margarida Brito Alves, Miguel Wandschneider e Ana Vaz Milheiro (que em 2012 recebeu o prémio — ex-aequo — com Nos Trópicos sem Le Corbusier, também editado pela Relógio D’Água).
O 2.º prémio foi atribuído ex-aequo aos críticos e curadores Pedro Lapa e Diogo Seixas Lopes (1972-2016).
Segundo o júri, «a escolha dos livros premiados fundamentou-se na avaliação da relevância do seu contributo, resultante do compromisso dos seus autores com um trabalho continuado de investigação e pensamento».

Sem comentários:

Publicar um comentário