6.3.19

Sobre Vinte Poemas de Amor e Uma Canção Desesperada, de Pablo Neruda




«Os “Vinte Poemas” são um livro doloroso e bucólico que contém as minhas paixões adolescentes mais atormentadas, misturadas com a natureza avassaladora do Sul da minha pátria. É um livro de amor porque, apesar da sua profunda melancolia, nele está presente o prazer da existência.» [Pablo Neruda]

Sem comentários:

Publicar um comentário