4.7.16

Beat Generation no Centro Pompidou




Fotografia de Allen Ginsberg: © Harold Chapman / TopFoto / Roger-Viollet


Nova Iorque, Califórnia, México, Tânger e Paris são algumas das geografias que fazem parte da retrospectiva da Beat Generation que se pode visitar no Centro Pompidou, em Paris, até 3 de Outubro.
A iniciativa do museu abrange a literatura, a música, a fotografia e o cinema, do movimento surgido em meados dos anos 40 do século XX, nascido do encontro no campus da Universidade de Columbia de Jack Kerouac, Allen Ginsberg, William Burroughs, Lucien Carr e Gregory Corso.
Esta corrente que uniu a costa ocidental e oriental dos Eua foi projectada editorialmente pela City Lights Books de Ferlinghetti, e é hoje considerada uma das correntes mais importantes do século passado, tendo inspirado a oposição à Guerra do Vietname e o movimento hippie.
A Relógio D’Água tem publicados de Jack Kerouac Os Vagabundos do Dharma, Pela Estrada Fora – O Rolo Original, Pela Estrada Fora, Os Subterrâneos, Big Sur. Editou também Uivo e Outros Poemas, de Allen Ginsberg.


 

Sem comentários:

Publicar um comentário