10.4.14

A chegar às livrarias: Enredos, de Rui Nunes




«— A quê, senhor Doutor?
— Que é isso? regressamos a Coimbra? Não se esqueça de que sou o presidente. Já o Manel segredava que a senhora tinha o espírito de um ministro das finanças e que eu teria muito a aprender consigo
— bem, bem,
resmungou a velha. E em voz alta:
— Senhor presidente?
— Que é?
— São as meninas…
— As meninas? As de Velázquez?
— Não, as de Odivelas.
— As que comem banana às rodelas?
— Então, porte-se bem.
— Venham elas, inteiras ou às rodelas, venha a inocência em seu feltro castanho, venham ao presidente que a todas ama, ao meu paternal cuidado. E são muitas? e bonitas?»


Escrita em 1987, esta obra de Rui Nunes foi durante muito tempo a primeira a abordar de modo cáustico a vida de Salazar e do Palácio de São Bento da época.

Sem comentários:

Publicar um comentário