10.12.13

Sobre O Conselheiro, de Cormac McCarthy



 

«Desafio escrito em forma de guião, “O Conselheiro” chegou ao grande ecrã pela mão de Ridley Scott, uma história moral sobre a amoralidade que a Relógio D’Água passou ao papel, traduzida como habitualmente por Paulo Faria. Um livro para incondicionais de Cormac, que lhe reconhecerão o universo e o pessimismo.» [Sugestão de Ana Cristina Leonardo, Expresso, Atual, 7-12-2013]

Sem comentários:

Publicar um comentário